Propagandas

Pesquisar no BLOG

sexta-feira, 1 de fevereiro de 2013

Cena macabra na penitenciária: preso é afogado dentro de balde.

O apenado Manoel de Jesus Benevenuto, 32, que cumpria pena na Unidade de Recuperação Social Manoel Néry por furto qualificado e teve várias passagens pela polícia, foi assassinado na noite desta segunda-feira (21), por volta das 21:30 horas, na cela 13 do Pavilhão E, onde estava no corretivo junto com mais três presos, por indisciplina.

Segundo as informações a vítima foi morta pelo preso Roniely Moraes de Araújo, 19, que cumpre pena por latrocínio e também estava no corretivo. O acusado amarrou Manoel com uma corda feita com lençol e o colocou de cabeça para baixo dentro de um balde porque ele estava... incomodando os demais.

Os agentes penitenciários de plantão foram acionados por um dos presos que gritou dizendo que a vítima estava se suicidando. Ao chegarem a cela do corretivo encontraram a vítima dentro do balde usado para armazenar água para lavar a roupa, com as mãos e os pés amarrados para trás e já havia morrido afogada.

Os outros dois presos que estavam no corretivo testemunharam que Manoel foi morto por Roniely que foi encaminhado à Delegacia Geral de Polícia onde confessou o crime. As testemunhas também foram encaminhadas a delegacia e corpo da vítima ao Instituto Médico Legal (IML) para exame cadavérico. 

Roniely está preso na URS desde 25 de Agosto de 2012, pelo assassinato do pedreiro Railson Aguida da Silva, 45, que morreu vítima de várias facadas desferidas em sua perna, uma das quais atingiu sua veia femural causando a morte.
Voz do Norte
Elson Costa - Fotos Neto Costa

TWITTER

Siga o BLOG pelo Google+

Google+ Seguidores

Interessados